quarta-feira, 24 de junho de 2015

Mike's Diary: A Modelo - Parte 1 (Red Is The New Black)

         
                 Passaram-se alguns dias desde que Mike havia finalmente se livrado da maluca obsessiva que havia caído de paraquedas na sua vida. Apesar dos inúmeros conselhos do Cara No Espelho, Mike ainda insistia em procurar garotas em sites de relacionamento. Ainda no mesmo em que estava acostumado, Mike seguia a mesma estratégia: mandar mensagens para todas as garotas possíveis, até acabar o limite de mensagens do dia e esperar a resposta de alguma. Assim se seguiu por dias, até que mais uma vez, finalmente, um dia uma resolveu responder. Ela era bem mais bonita do que as outras que já haviam entrado em contato com ele por esse site. Era Ruiva, tinha sardinhas por sua pele branca, era magra, mas com curvas em "certas partes importantes", lábios carnudos e um sorriso de paralisar qualquer um. Sem acreditar no que estava acontecendo, Mike inicia uma conversa com ela. Não demorou muito para que a garota caísse na conversa de Mike, ela parecia ter gostado do jeito tímido, porém simpático, chato, porém cômico de Mike. Em poucos minutos ela passou seus contatos e os 2 já conversavam por messenger. Meio que como um "xaveco de pedreiro", ele começou a falar da beleza da moça, a elogia-la...perguntou-lhe se ela era modelo, seguido de um sorriso tímido de auto-reprovação do que acabara de dizer. Ela responde que sim, fazia parte do casting de uma agência de modelos, vira e mexe ela fazia uns trabalhos em eventos. Não era modelo de passarela, era mais de eventos, fotos para catálogos, coisas assim, mas nada muito grande, pois não era "renomada", tão pouco sua agência. Mike pergunta sobre sua altura, fica surpreso quando garota lhe responde ter 1,75...apenas 10 cm mais alta do que o pobre rapaz. Ele havia ficado um pouco desanimado com a informação, tendo em vista que a maioria das garotas preferem caras mais altos do que elas. Convenhamos, é realmente muito estranho um casal onde a mulher é mais alta do que o homem, vide Luciana Gimenez e o pica das galáxias da Rede TV, é muito estranho haha!
A garota lhe pergunta o que houve, se ela teria dito algo que o incomodasse. Mike diz que o problema não era com ela, mas com ele e usa exatamente este exemplo da Gimenez para justificar e explicar o seu ponto de vista. Ela ri e diz q não tem nada a ver, que tamanho não era documento. Depois de conversarem mais pela noite a fora, finalmente foram dormir.
          Mais um dia se inicia, Mike estava animado para trabalhar. Ao encarar o espelho, O Cara No Espelho lhe pergunta:
- O que houve, rapaz? Viste o passarinho verde?
- Não cara! Acho que finalmente encontrei!
- Encontrou o que, rapaz?
- Uma garota que valha a pena!
- Mais uma vez apaixonado? Não me diga que a encontrou naquela rede social?
- Foi sim, e daí?
- Mike, quantas vezes já lhe disse que alí você só cai em barcas furadas?
- Não enche! Ela é diferente!
E assim ele parte para seu trabalho, meio puto com O Cara No Espelho, querendo matar sua vibe numa segunda feira atípica, onde tinha pela primeira vez um motivo para sorrir.
Contente com sua nova musa, começou a contar para seus amigos de trabalho sobre sua conquista de fim de semana. Referia-se a ela como
"A Modelo", orgulhando-se de ter conquistado a simpatia de uma garota de tal patamar, não vendo a hora de chegar em casa e conversar com ela mais um pouco.
A hora chega, Mike volta pra casa. Ao chegar, mal entra no quarto e já liga seu computador, como de costume, abre o E-mail, Messenger e rede social, sem ao menos trocar de roupa, apenas jogou sua mochila em direção á cama. Nem se quer reparou que errou a mira, jogando a mochila contra o chão. Ela não estava online ainda, mas Mike logo tratou de mandar-lhe uma mensagem: "Boa noite querida, já cheguei, estou aqui te esperando, na verdade ainda vou tomar meu banho, caso demore a responder, é porque ainda não voltei, bjos e te vejo já!" e assim seguiu para seu banho. Banho este que foi ligeiro, pois Mike não se aguentava de ansiedade para conversar com a moça.
Ao voltar, lá estava ela, que havia lhe deixado uma resposta enquanto ele estava ainda no banho: "Boa noite querido, que bom que já chegou, bom banho, estou te esperando, bjo!"
Os olhos de Mike brilhavam ao ler a mensagem, seu coração palpitava, suas mãos tremiam. É, ele estava mais uma vez apaixonado.
Conversaram bastante naquela noite e assim foi se seguindo em todas as noites seguintes. Entre conversas de messenger, curtidas em fotos de redes sociais, comentários nas fotos e por aí vai. Semanas se passaram assim e a inevitável pergunta se fez presente: "Quando vamos nos ver?"
A Modelo então responde que estava livre no próximo final de semana. Então estava tudo certo, pois Mike nunca tinha nada para fazer nos finais de semana, tudo se resumia a ficar na internet, ou ver seus dvds ou jogar videogame. Marcaram de se ver então, num domingo, no mesmo shopping que sempre frequentava, que para sua surpresa, era também o que a Modelo costumava visitar.
Mike contava os segundos para chegar o fim de semana, sobre tudo o domingo, pois seria dia de ver sua nova musa.
Ao chegar em casa mais uma vez do trabalho, na sexta feira, Mike teve uma conversa com o Cara No Espelho:

- Você está bem animado hein, rapaz?
- Sim, confesso que estou, vou finalmente ver a Modelo pessoalmente!
- Sinceramente não consigo me animar com isso, jovem.
- Porque? Porque não gosta de ver minha felicidade?
- Te vejo cego, iludido mais uma vez...
- Não há ilusão, eu converso com ela diariamente, já a vi por webcam, ela é real.
- Eu sei jovem, mas o que digo não ser real é o que acha que já existe entre vocês...ela é ruiva né?
- Sim, e daí?
- Já ouviu a lenda de que ruivos não tem alma?
- Você está assistindo muito South Park!
- Ruivas não tem alma, mas cada sarda dela representa uma alma que ela roubou!
- Pare de viajar cara! Nunca ouvi tanta maluquice!
- Apenas pense, jovem, ela está te enfeitiçando!
Mike fica puto mais uma vez com o Cara No Espelho. "Onde já se viu uma idiotice dessas? 'Ruivas não tem alma!', 'cada sarda dela representa uma alma que ela roubou!', que maluquice! Isso se quer faz algum sentido!". Nessas, Mike resolve ir dormir e deixar que a horas passem, até que chegue o domingo...
  

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Mike's Diary - A "Quase Namorada" Louca

                      Passaram-se alguns dias, não muito tempo depois dos assuntos encerrados com a Mulher e a "Velha História". Mike peregrinava mais uma vez entre redes sociais. O Cara no Espelho diria algo como "esse Mike não aprende!!" e convenhamos, ele não estaria errado! 
Mike passava noites e mais noites buscando perfis, olhando um a um, e mandando mensagens para todas as garotas que encontrava por lá, numa atitude desesperada, de quem não sabia mais o que fazer, até que certo dia uma respondeu. Era uma garota sem atributos á chamar atenção, uma garota normal...Mike respondeu a mensagem da garota, que para sua surpresa, estava online naquele momento, então, começaram a conversar.
Trocaram contatos, para que pudessem conversar mais facilmente. Durante a conversa, Mike percebia que pouca coisa havia em comum entre os 2, mas resolveu tentar algo mesmo assim, afinal, estava a beira da loucura!
Marcaram de se encontrar, Mike estava trabalhando aos sábados, mas por meio período, e o horário de saída coincidia com o horário em que a garota saía de seu curso de inglês, tudo perfeito!
                   No dia, conversaram, passearam, mas foi só isso...tudo muito rápido. Deixaram margem para mais um encontro no sábado que se seguiria. Mais uma vez, não passou de conversa, olhares, sorrisos...Mike realmente não sabia o que sentir, não sabia o que fazer...deixara o vento levar, seja qual fosse o rumo. Durante os dias de semana, ela conversava insistentemente com Mike por messenger, dizendo sempre sentir muitas saudades.
Encontraram-se mais uma vez, em mais um sábado...tudo corria como nos últimos 2, mas algo mudou: os sorrisos e olhares dessa vez deram brecha á um abraço...que consequentemente deram espaço á um beijo...Beijo tímido, de 2 seres que ainda não haviam se conectado de fato. AÍ COMEÇOU A LOUCURA!
Mike e a garota pegavam o mesmo coletivo, estavam na estação á espera dele. A garota, já sentia-se liberta a ponto de ficar abraçada, pegar na mão, essas coisas todas...o Coletivo chega, eles entram e se sentam juntos, quando do nada, a garota pergunta:

- Mike, você vai fazer algo agora a tarde?
- vou tomar banho, vou comer, vou jogar meu videogame, porque?
- Quero ir pra sua casa! passar o resto da tarde com você! 
Mike não consegue esconder em sua face a surpresa, também não consegue esconder o desagrado que a surpresa lhe proporcionara. Esboçou um "sorriso amarelo", deixando margem para a pergunta da garota em seguida:
- Porque você fez essa cara?

Mike engole seco, repentinamente responde:
- Acabei de me lembrar, hoje o pessoal vai visitar meu irmão, vou ver minha sobrinha lá também! desculpe, não vai dar pra você ir lá em casa...

A garota simplesmente sorri e o beija mais uma vez, como quem diz "está tudo bem!"
Nesse momento, Mike não conseguia parar de pensar: "MAS QUE DIABOS É ISSO? É A PRIMEIRA VEZ QUE ELA ME BEIJA E JÁ ACHA QUE PODE PASSAR A TARDE EM MINHA CASA????"  enquanto a Garota via-se feliz ao seu lado, exibindo um sorriso que parecia não cansar os músculos de sua face. 

Mike desce em seu ponto e corre pra sua casa, corre para um banho e após, enquanto se seca, conversa com o Cara no Espelho:
- Cara! Eu acho que aconteceu o que eu temia! A menina está apaixonada!
- Mas não era isso o que você procurava, meu caro?
- Sim, mas não dessa forma!
- Você mesmo já deixou como subnick no seu messenger "Não quero princesa, não quero modelo, só quero alguém que me queira", não é? E não é isso que está acontecendo?
- Sim, mas...
- Mas o que, Mike?
Mike neste momento se cala, desiste da conversa, ignora, termina de se secar e vai para sua cama, pensar. Ele sabia que o que o Cara no Espelho lhe disse era verdade, ele queria apenas uma garota que lhe quisesse, lhe aceitasse como ele é, não se importando com os atributos físicos dela. A menina não era nenhuma modelo, muito menos uma princesa, mas demonstrava gostar muito de Mike, então qual o problema?
Mike resolve entrar na internet, ver o que acontece. Como de costume, Mike já logo abria seu messenger, seu e-mail e seu perfil na rede social. mal se conectava e já pulavam várias mensagens da menina, todas alegando saudade, todas dizendo o quanto o amava, todas perguntando sobre quando se veriam novamente. E mensagens como esta lotavam sua caixa de mensagens no celular, sua caixa de mensagens na rede social e seu messenger DIARIAMENTE. Mike descobria o que lhe incomodava: ela não o deixava RESPIRAR!
Um certo dia Mike estava indo da faculdade para o trabalho, e como teria que esperar um intervalo de mais ou menos 2 horas entre o faculdade e o trabalho, ele foi dar um passeio no shopping que ficava pelo caminho, coisa que já fazia parte da rotina de Mike. O que ele não havia se atentado, é que a garota SABIA dessa rotina. Sem lhe avisar nem nada, a garota segue ao shopping e repentinamente manda a seguinte mensagem: "estou no shopping, onde você está? Sei que você está aqui,estou te procurando!"
Mike se assusta! Se sentiu "caçado", acuado, jogado contra a parede...Não teve outra escolha a não ser dizer onde estava e assim se encontraram.
Ela estava um pouquinho mais arrumada, parecia estar decidida a conquista-lo de fato. Estava de saia e regata decotada, justificou a presença repentina dizendo:
- Eu estava entregando curriculum no centro comercial, sabia que você estaria aqui, deu saudade, bem, estou aqui pra te ver, gostou da surpresa?"
Mike mais uma vez estampou seu sorriso amarelo, em meio a falta de ação em resposta á atual situação. 

Enquanto conversavam, ela usava e abusava dos artifícios que seu decote
lhe proporcionava, para atiçar Mike, fazia de tudo para que ele entrasse em contato visual com "eles". Mike bem tentava disfarçar, mas ela sabia de sua fraqueza. Ele acabava olhando "de rabo de olho" a cada 3 palavras que trocavam. Descobria então, um atributo que nunca tinha reparado na garota e sua mente era possuída por pensamentos: "Ela tem peitinhos tão bonitos! Tão redondinhos!! Parecem ser tão firmes..."
Quando menos percebeu, a garota o puxou para um beijo. Rendido e jogado contra a parede, Mike não viu outra opção a não ser passear com a garota pelo shopping. Ela, toda feliz, logo segurava forte em suas mãos (como se fossem um casal de fato) por todo o caminho e o carregava para todo lado, vira e mexe, ela o puxava para um beijo. Mike já não sabia o que fazer, aguentou tudo até dar a hora de ir trabalhar.
No caminho pro trabalho, Mike não conseguia parar de pensar no que tinha acabado de acontecer.
Os dias passavam e ela continuava a mandar mensagens e mais mensagens diariamente, querendo saber o que ele tinha feito, o que tinha comido no almoço, dizia sobre sua saudade, mandava frases de musica, dizia que o amava e perguntava quando se encontrariam de novo.    
Mike não sabia o que responder, muitas das vezes, respondia com um emoticon sorrindo apenas. Até que chegou um dia que ele não aguentava mais.
Ela veio conversar no messenger e as coisas não saíram como planejado:

"Garotinha apaixonada diz:"
- Ai Mike, eu gosto tanto de você! Você é o cara mais legal, mais lindo, mais tudo que já apareceu na minha vida!! Eu te amo tanto!! Morro de saudades de você todos os dias!

"Mike diz:"
- Isto está errado!


"Garotinha apaixonada diz:"
- Como assim? Eu te amo!!! 

"Mike diz:"
- Para com isso garota! A gente se fala a apenas 4 semanas!

"Garotinha apaixonada diz:"
- Você nunca ouviu falar em amor a primeira vista?


"Mike diz:"
 - Já, mas as coisas não funcionam assim!


"Garotinha apaixonada diz:"
- como assim? :( 

"Mike diz:"
- O fato é que eu não consigo me conectar a você! Você é legal, mas não consigo sentir algo por você, te vejo apenas como amiga...


"Garotinha apaixonada diz:" 
- Você está me dispensando? É isso? :(

"Mike diz:"
- Encare os fatos, a gente não tem nada em comum! Não gostamos das mesma coisas, não "falamos a mesma língua", você sabe!


"Garotinha apaixonada diz:" 
- Mas eu te amo! Você é tudo pra mim!! Não me deixe! por favor! Estou chorando aqui!! :'( 

"Mike diz:"
- Por favor, não torne isto mais difícil do que já é! 

"Garotinha apaixonada diz:"
- Você não sabe o quanto eu te amo! Você não pode me machucar assim! 

"Mike diz:"
- Por favor, pare de dizer que me ama! A gente mal se conhece, mal temos assunto pra conversar. É você que fica apenas mandando mensagem dizendo que me ama e que quer me ver, a gente nunca tem o que falar um pro outro, não temos conexão alguma!


"Garotinha apaixonada diz:" 
- ... ='(

"Mike diz:"
- Eu não quero que você se engane comigo, eu sei que até já conversamos coisas mais quentes, percebi você querendo me atiçar com seu decote aquele dia no shopping...

"Garotinha apaixonada diz:" - Eu sei que você gostou ^^

"Mike diz:"
- Mas não posso fazer isso com você! Porque eu não sinto nada! eu poderia muito bem empurrar isto com a barriga, até conseguir te levar pra cama e depois te largar, mas jamais faria isso, primeiro porque não é da minha índole e segundo, porque você é uma garota legal e merece alguém que te faça feliz, mas este alguém não sou eu... 

"Garotinha apaixonada diz:" 
- mas...

"Mike diz:"
- Segue sua vida, querida! Não se prenda! Deve ter outro alguém por aí esperando por você, mas não sou eu, você pode ter certeza disso!

E assim, Mike dava fim em sua conversa, e também na garota. Ao menos era o que ele achava.
Durante aquela semana, a garota mandou varias indiretas para Mike pela rede social, além de continuar lhe mandando mensagem.
Ele não teve saída a não ser pedir para que uma amiga se passasse por uma nova ficante e fosse tirar satisfação com a garota. Por incrível que pareça, a garota logo encontrou um rapaz, mudou seu status para mostrar que estava em relacionamento sério, talvez querendo mostrar para Mike que a fila andava...Mike dava graças a Deus!
Uma semana depois a garota já tinha mudado seu status para "Casada" com o tal cara. Mike sorriu, e respirou aliviado pro saber que ele não tinha seguido este destino de "what comes around goes around" que esta garota possessiva iria lhe proporcionar...Não demorou muito tempo, ela já havia também terminado o relacionamento com o rapaz, só reforçando ainda mais o que Mike pressentia em relação ao "fogo de palha" da garota.
Ele agora, já podia dormir em paz, seguir o seu caminho sem se incomodar...

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Mike's Diary - A Primeira Mulher


               As coisas não tinham ido bem em relação á sua "Velha história", tanto que acabou do jeito que acabou...Mas havia algo que não foi citado...

               Nas últimas semanas, quando Mike decidiu terminar de vez com sua "Velha história", ele acabou desviando seus caminhos...Já haviam 5 ou mais meses que Mike tinha começado a conversar com uma Mulher mais velha, que lhe fora tortamente apresentada por um amigo. Tortamente porque não foi pessoalmente, e sim por uma rede social. Tortamente porque nessa, a tal Mulher não fazia ideia de que tinha sido "apresentada" e Mike chegou com o papo de "te vi e te achei legal". Mas ele não estava falando com uma garota, era com uma Mulher e ela logo sacou que a única pessoa que poderia ter passado o contato era o amigo em comum.
               Passados os momentos constrangedores que o fato proporcionou, começaram a se dar bem, entre várias e várias conversas que obtiveram daí por diante. Conversavam sobre tudo, principalmente sobre problemas de relacionamento, experiencia que ambos carregavam nas costas como um grande fardo, obviamente que Mike carregava um peso bem menor em relação a Mulher. Afinal ela tinha 10 anos a mais do que Mike, apesar de, em muitos momentos, parecer falar e agir como se tivesse 10 anos a menos que ele.
Com o tempo, a Mulher começou a demonstrar certo interesse por Mike...Mike, nada acostumado com aquilo, demorou pra entender, ela o queria!
Começou a elogia-lo, reparar fisicamente em Mike, que não via sentido no que acontecia.As conversas ficavam cada vez mais quentes e voltadas aos desejos carnais de ambos. Estava mais do que óbvio que ela o desejava...
Mike também começou a despertar um desejo forte por ela...
Mas nessa época, Mike ainda estava  "oficialmente" com sua "Velha História".      

Até que chegou um momento em que nenhum dos dois aguentava mais só falar, eles queriam fazer acontecer! Marcaram então de se encontrar e matar assim, o desejo que ambos estavam guardando por tanto tempo.
Era um começo de tarde, se encontraram, conversaram pouco, caminharam e logo estavam explodindo em seus interiores...os vulcões precisavam entrar em erupção, e assim o fizeram! Foram 3 horas de muita  loucura. Após todo o ato, foram embora...cada um pro seu canto, com um sorriso de satisfação estampado na face.
Mike , depois, sentiu-se culpado, principalmente depois de descobrir que acabou sendo visto por outra pessoa, que acabou revelando isso pela mesma rede social que o levou a conhecer a Mulher em questão.
Ele ainda estava com sua "Velha História", mas o que ele podia fazer? Ele sentia-se carente, ele precisava daquilo, precisava de beijos, abraços, "amassos"...Mike finalmente entendia a velha máxima "A carne é fraca".

Mas sua culpa ia além da "traição", até porque, como parecia que só ele se importava com a relação com a sua "Velha História", ele não conseguia enxergar isso totalmente como uma traição de fato. Sua culpa também se dava ao fato de que ele poderia estar despertando algo na Mulher, e o que ele menos queria era fazer duas pessoas sofrerem ao mesmo tempo.
Mike não sabia como lidar, afinal, era uma Mulher que já teve uma vida, já havia sido casada, tinha uma filha 10 anos mais nova que Mike e tudo mais...
Fato é, que após Mike dar fim definitivamente na relação com sua "Velha História", a Mulher acabou se distanciando, cada vez mais...chegando então ao ponto de não se falaram mais. 
Seria uma defesa? Um modo de tentar tirar tudo o que aconteceu da cabeça e do coração? Um desejo "proibido" que nenhum dos dois conseguiria levar a frente sem que houvesse sofrimento, decepções ou deficiência, afinal, as necessidades dos dois entrariam em conflito...um com a vida praticamente no começo, a outra buscando estabilidade, talvez...além do desejo esses mundos não se encaixavam.
Mike entendia isso, mas não entendia se realmente precisava tal isolamento...não poderiam continuar amigos? Não poderiam falar de todas as outras coisas que sempre falavam antes?
               Mike mais uma vez foi de encontro ao Cara no Espelho, que lhe disse:
- Mike, Mike!! Você não fez nada de errado, afinal, ambos fizeram o que queriam, ambos gostaram do que fizeram, o que pega aí, na verdade, é se isso ia mesmo dar certo. Obviamente sua inexperiência iria faze-la sentir falta do "a mais"..."a mais" esse que você ainda não pode oferece-la, nem oferecer há alguma outra mulher já formada. Um dia você encontrará a resposta pra tudo isso...ou não! haha! Mas Mike, acostume-se, essa é apenas a sua primeira mulher... 

domingo, 10 de junho de 2012

Mike's Redemption: "Os Continues"

            Passaram-se dias, passaram-se meses, Mike estava se reabilitando. Não pensava mais em sua ex-Musa, muito menos na sua ex-Nova Investida. Ele estava deixando o corpo ser levado pelo rio, boiando despreocupadamente.
Ninguém mais o via triste ou abatido, não mais sofria a toa, vivia um dia após o outro, de bem com a vida, de bem com o Cara no Espelho.
Durante esse tempo, Mike deixou-se livre, como nunca havia feito antes. Livre para as oportunidades, livre para o que a vida haveria de lhe dar. Mas a vida não havia lhe dado nada...
Começou uma nova rotina de estudos e trabalho, ainda que iniciando, tudo sendo muito novo até então. Não tinha mais o tempo que lhe sobrava, trocara o fuso completamente agora, tendo que se reabilitar em sua "nova vida".
Em meio a tudo isso, recebe uma ligação inesperada de "uma velha história": 

- Oi! Tudo bom? Queria te ver...conversar...
- ah! td bem sim ! por mim demorou!
- Então tá, nos vemos então!

- ok!

Estava assim combinado então, um reencontro.
            No dia, ele fica a esperar, inquieto, sem saber o que o espera, afinal, já fazia um bom tempo que não via sua "velha história". Ela chega, e começam a conversar...falam sobre a vida, falam sobre as coisas que sempre tiveram em comum, gostos, enfim, o de sempre...as mesmas conversas que sempre tiveram. As horas passam, Mike tinha que partir para seu dever, ela o acompanha e aí começa a falar, do nada, sobre o tempo que se conhecem, sobre como se sentia em relação a ele, como queria te-lo por perto...Mike não reconhecia sua "velha história", estava totalmente diferente de como era acostumado a ve-la. Atrasado para o trabalho e chocado com a situação, parte sem jeito, deixando um ar de Fuga á situação.
Mike não sabia o que pensar sobre aquilo, ao mesmo tempo que era tudo novo, era sua "velha história" alí...anos haviam se passado, muitas coisas haviam mudado, como proceder? Mike se via mais uma vez confuso e com o dever de responder a tal oferta, passou a semana inteira com aquilo na cabeça.
            Na semana seguinte, Ele reencontra sua "velha história" e decide dar sinal verde. Começa aí o que devia ter começado há anos atrás! Tal qual um "Chinese Democracy" na vida de ambos. 
Tudo parecia correr muito bem, dias foram passando, decidiram sair, mas as coisas não correram como Mike imaginava: era tudo tão estranho, "seco"... Um casal de completos estranhos, que se conheciam tão bem até então...Saíram novamente depois de alguns dias...e tudo continuou igualmente seco! Faltava alguma coisa, mas ninguém saberia dizer o que é, nem mesmo os dois. Mike não conseguia dormir direito, ficava tentando entender o que havia feito de errado. Resolveu conversar com o Cara no Espelho, perguntar o que de fato estava levando aquilo q se imaginou ser tão perfeito, em algo tão desanimador:
- Mike, meu caro Mike! Eu não sei se estou certo, ou errado, mas não há como se revelar algo, quando os dois lados se escondem dentro de si próprios. Se encontre, tente faze-la se encontrar também...se não der certo, quem poderá culpar quem afinal??
Mike não entendeu muito bem, mas pensou, trancou-se em seus pensamentos.
            Dias se passaram entre SMSs secos e frios, que mais pareciam ser trocados por amigos distantes do mesmo sexo do que por duas pessoas que diziam "se amar"...Mike não aguentava mais isso, sentia-se mal por achar estar fingindo um sentimento que havia morrido, antes mesmo de ganhar vida...Decidiu então por fim nessa história...mas COMO? Como não machuca-la?
Pensou, pensou e pensou novamente. Seria impossível os dois lados ficarem bem com a situação, enxergando isso, Mike pensou: "então que se foda! vai doer de qualquer jeito!" e assim, "deu Start" em uma atitude ainda mais fria e egoísta: mandou uma carta calibre 44 diretamente ao coração de sua "velha história", por meio de uma rede social, sem pensar em mais nada além do peso que tiraria de suas costas. Aí morava o erro, mais uma vez!
Partiu o coração de sua "velha história" fortemente, deixou-a sem entender nada além de que se tornara um monstro infeliz e escroto aos olhos dela. De certa forma, apesar de realmente sentir-se um monstro escroto, Mike parecia ter gostado disso. Teria Mike se tornado um ser sem coração então? Ou apenas teria ele aceito que a vida é cheia de perdas e ganhos??? Não é a toa que os jogos vem com "Retry" e "continues"...





 



    

domingo, 1 de janeiro de 2012

Mike Returns: Ainda há uma vida

Passaram-se muitos dias, muitos dias mesmo desde que Mike teve sua desilusão com sua Musa. Andava triste, abatido, chutando pedras e tentando entender o porque das coisas não darem certo.
Durante todo esse tempo ele ainda não tinha encontrado sua Musa pelas indas e vindas de seus destinos, parecia mesmo que o destino havia dado-lhe uma trégua.
Até que um dia, sem querer como sempre, Mike cruza o caminho de sua Musa:
- Oi Mike!! Quanto tempo!! Como você está? Você sumiu...

- Eu tô bem! Trabalhando muito também, talvez por isso não tenha me visto...
A conversa se estendeu um pouco, colocaram assuntos breves em dia e ela partiu para seu rumo, deixando - o ali, sozinho na calçada, com o gostinho de seu beijo no rosto, com a sensação de que seu abraço ainda não tinha se desabraçado...Mas dessa vez, Mike sentia-se diferente sobre isso.
Seu batimento cardíaco não se alterou, nem teve aquela sensação estranha que o fazia perder o rumo de suas ações.Mike sentiu- se indiferente sobre tudo aquilo. 
 - Estaria eu curado? - Mike se pergunta. Quem poderia responder a num ser ele mesmo? Questionou-se também se a "cura" (se é que ela realmente veio) não estaria ligada á sua Nova Investida. Sim! Mike Tinha uma carta na manga. Nesse meio tempo, Mike havia conhecido outra garota, diferente das demais, mas o qual resolveu tratar com cautela enquanto se focava em sua Musa.
A Nova Investida de Mike, embora tenha gostos em comum com ele e até sua agora ex-Musa, era diferente. Ela falava e agia de forma única. Isso chamou atenção de Mike, embora ainda tentasse dar foco em sua agora ex-Musa.
Pensando nisso e em como estava dando certo seus papos com a Nova Investida, Mike percebe que era hora de usar seu ultimo "Life" restante para focar de vez nela.
Dias e semanas se passam entre Sms e ligações. Mike falando bastante, e ouvindo um pouco menos do que era acostumado. Mike estava decidido, queria vê-la! Mas havia um problema: os horários não batiam! Entre conversas, pressões e indiretas, Mike conseguiu achar um tempo livre e foi encontrar sua Nova Investida. Tudo correu normalmente para os padrões de Mike: Eles se encontraram, conversaram e pronto. O tempo era escasso, então foi o que deu no momento.
Dias se passaram, eles continuavam com os mesmos meios de comunicação. E conversavam, de seu modo estranho, "SECO". Muitas vezes um deixava o outro no vácuo, involuntariamente, mas no geral até se entendiam.
Uma coisa era fato, Mike tentava se esquivar disso, mas era fato: Os pontos que os diferenciavam eram ponto críticos, muito opostos...e nenhum cederia ao outro pelo bem comum.
Com o tempo (que nem foi tão extenso), os SMSs que Mike enviava ficavam no completo vácuo, sem respostas. Era hora de começar a se preocupar!
Não demorou muito, questão de semanas, lá estava ele sendo presenteado com mais uma atualização de status em rede Social: sua Nova Investida já tinha encontrado alguém.
Por algum motivo, Mike já previa isso, não se abalou por ter perdido a possibilidade com a Nova Investida, mas sim com o fato de tudo ter acontecido novamente da mesma forma que sempre aconteceu: Ele conhece alguém legal, desperta o interesse da pessoa, encontra a pessoa e tudo corre bem, mas depois do encontro tudo dá errado. A pessoa simplesmente perde o interesse e some.
- Estaria eu amaldiçoado? não é possível!!!! - exclama Mike.
Parecia obra do além, realmente! Mike já não tinha dedos para contar quantas vezes o mesmo vinha acontecendo.
Mike havia sido mais uma vez traído por sua confiança desconfiada!
Esquecera que do mesmo modo que havia tratado sua Nova Investida como "o plano B", Também existia a possibilidade dele ser o "plano B" de sua Nova Investida.
  Em casa, novamente enfrentando o Cara no Espelho, Mike se lamenta. O Cara no Espelho apenas diz:

- Mike... isso é totalmente sobre sua incrível habilidade de ser menos interessante do que uma porta fechada escrita "não abra". Você não tem nada que o dê cor no meio de uma multidão em preto e branco. Você soa apenas como mais um barulho da cidade, não se destaca como uma bela canção perdida no meio desse caos... Você tem que encontrar isso, você tem que encontrar o tempero que falta nessa sopa!
Mike não quis nem rebater, pois havia entendido a mensagem. Foi direto ao encontro de seu fiel cobertor e também de seu fiel travesseiro.
Agora deitado, esperando o sono o derrubar, Mike pensa:
- Ainda me restam os "continues"... eles são infinitos! eu ainda vou passar essa fase...eu ainda desbloquearei essas conquistas!!!!
Mike agora dormia com a sua vergonha.
E com ela ele dançou as valsas e os tangos....em seus sonhos...em seus sonhos...







segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Mike's stupid Heart - Part IV (Finale): Time to... WAKE THE FUCK UP!!!

Mike acordou pela manhã seguinte, decidido á honrar as palavras que havia  dito ao cara no espelho. Acordou decidido a se tornar um iceberg mais uma vez. "Mais uma vez" porque essa promessa não é nova, ele já havia quebrado antes... Tempos atras Mike havia sofrido de um mal parecido, prometeu não mais cair nas armadilhas do coração e trancafia-lo em uma caixa congelada...mas...de vez em sempre vem algo quente demais e o descongela. 
Mike tentava lutar bravamente contra os "sms" que recebia... tentava não ler, mas acabava lendo...tentava não responder...mas acabava respondendo...tentava ser o mais "seco" possível...mas logo era cheio de carinho...Mike estava enfrentando o seu maior inimigo mais uma vez...Mike estava lutando contra si mesmo!
 Curiosamente, Mike não encontrava mais sua Musa "sem querer" nos encontros e desencontros da vida...Seria um aviso? Seria o destino mudando rumos, horários e afins, ajudando Mike nessa sua decisão de se congelar novamente? Sendo isso ou não, até estava ajudando Mike psicológicamente. Eis que do nada, surge aquele "sms de bom dia", o acordando de seu sono...ou o de "boa noite" e vinham de sua Musa. Ele se perguntava: "qual o sentido de mandar sms pra quem você não dá mais a mínima?"
Ninguém mandava tantos sms para Mike do que sua Musa. Isso bastava para confundir a cabeça do pobre Mike..."NO, GOD! NO! FUCK, NO!!! DAMN IT!!! NOO!!!!!" era o que se passava em sua cabeça a cada vez que recebia uma delas...

Até que chega certo dia e Mike a vê na companhia de um rapaz, ela o cumprimenta rapidamente de longe, deixando-o no vazio. Mike, em um momento de extremo desespero, dá seu ultimo tiro no escuro: envia-lhe uma mensagem dizendo o quanto ela estava linda naquele momento. Logo, para sua surpresa, recebe a resposta...que dizia apenas "obrigado", sem mais nenhuma palavra...
"Poque eu ainda insisto???" Mike se pergunta. Nada daquilo fazia sentido, sendo que ele já havia se dado por vencido.
Mais alguns dias se passam, Mike a encontra novamente, mas dessa vez ela passou tão rápido, que nem olhou para o lado...

Indo embora, Mike recebe mais um dos "Sms de bom dia" de sua Musa.Responde-a indagando sobre como pôde não te-lo visto após passar por tão perto."Eu não vi mesmo! desculpe! Jamais te ignoraria!" foi a resposta q sua Musa lhe deu... E porque não seria verdade? Realmente nunca o ignorou, Mike estava errado em achar qualquer coisa, pois na realidade ele ignorava a possibilidade de expor o que sentia. Por mais que ela possa ter percebido algo, ela poderia estar esperando ele  falar...
Até que mais tarde, na virada desse mesmo dia, Mike descobre algo que não queria (por mais que fosse verdade) acreditar...Sua Musa Tinha alguém!!!! 
Tudo fazia mais sentido agora! Será esse o motivo da situação estranha do segundo rolê? Será esse o motivo de ter passado tão rápido a ponto de não vê-lo? Seria Aquele cara ao lado dela quando passou e deu o "oi relâmpago" o tal "alguém" ? O mundo de Mike perdeu o chão no instante em que soube do fato. "Malditas sejam as redes sociais!" ele pensou no calor do descontentamento...Mas qual a culpa? Ele não havia agido de forma alguma, não seguiu os conselhos do cara no espelho, que tanto lhe advertiu sobre o assunto...se havia alguém a se culpar, era a si próprio!
"Game Over: You Lose!" -  essa era a frase que ecoava em sua cabeça enquanto estagnava-se diante de uma página na internet. Patético, não?
A noite de Mike foi horrível desde então...chegando em casa, tudo o que pode fazer foi chegar ao cara do espelho e dizer: "Você estava certo desde o começo! Eu poderia ter recebido uma resposta ruim, ou poderia ter brilhado como nunca...mas eu escolhi me ofuscar na escuridão... porque ela me esperaria? Fui mesmo falho, fui mesmo ridículo, como sempre fui, como sempre serei...desculpe desaponta-lo, mas eu sou assim...como um lápis de segunda...vivo desapontando e diminuindo...Desculpe!"
O cara do espelho apenas balançou a cabeça, como quem diz "fazer o que? agora é tarde...eu bem te avisei!"
Mike foi de encontro ao seu travesseiro e cobertor mais uma vez...dessa vez ele já nem tinha forças pra mais nada. Desejou apenas não acordar tão cedo...Eis que acorda com mais um "Sms de bom dia"...mas dessa vez ele não respondeu, apenas leu e apagou. Já é um começo...Falta não ler e apagar da próxima vez...se é que haverá próxima...melhor assim, afinal, o que os olhos não veem o coração não sente não é mesmo?



Mike's stupid Heart - Part III: Time to rock...Again

Dias se passaram desde então...Tudo o que Mike tinha eram fotos com sua Musa..fotos essas que ele não se cansava de admirar...E imaginar como seria se aquilo tivesse realmente um significado a mais... Mike havia prometido a si mesmo: "eu vou resolver essa situação de uma vez por todas!"
Entre encontros e desencontros da vida mais uma vez, Mike reencontra sua Musa pelo caminho. Conversas agradáveis com sorrisos vindo de ambos os lados, palavras se atropelam, Mike sempre se perde quando está  em seu coquetel molotov de nervosismo, empolgação e ansiedade.
Mike a chama para mais um show, ela aceita, Mike fica feliz da vida novamente e todos os "blá blá blás" já mencionados anteriormente. Combinam de comprar as entradas antecipadamente juntos. Após algumas tentativas frustradas, onde Mike ficou a ver navios e tomou bolo 2 vezes, Chega um dia em que tudo deu certo. E foi um dia bem legal para Mike, pois ele passou uma manhã inteira com sua Musa..lado a lado! Mike estava até confiante! Mas ainda assim, Mike não agiu. Achou melhor esperar pelo dia do show.

Passam-se as semanas, Finalmente chega o dia do Show. Tudo combinado, horário, local, nada tinha como dar errado! Até a semana q tinha sido de chuva, nesse dia resolveu presentear com um sol. O universo conspirando a favor! Mike mais uma vez não se aguenta e chega mais cedo. Parece gostar de esperar, apesar de não ser a verdade. Pessoas e mais pessoas vem e vão, mas ela não está entre nenhum dos rostos na multidão. A cada característica parecida que surgia de longe, Mike já se alarmava, mas quando percebia que não era, logo voltava sua face ao chão.
Embalado por sons em seu fone de ouvido, é como se anulasse o tempo, não percebendo o quanto ele passa, o quando sua espera já dura por uma hora!
Mais uma vez atrasada, chega sua Musa..."deve ser bem típico das mulheres" - Pensa Mike em silêncio. Após um beijo no rosto e um abraço, partem para o destino.

Conversam, andam, sorriem, mas algo não está muito certo. Há algo incomodando sua Musa, que embora ainda brinque e fale bastante, nota-se que está meio "fora do ar".
Mike tenta animar com suas piadinhas e suas danças, o que já era meio que de praxe, mas algo não está certo. As coisas não fluíam como nas outras vezes, não havia animação de verdade por parte de sua Musa. Era como se só estivesse ali porque já havia marcado. Entre diálogos, Mike percebe que não há muito o que se fazer. E em um diálogo específico, percebe o que não queria...Talvez as coisas não estivessem tão bem quanto ele achava, talvez ele tenha fantasiado as coisas demais em sua cabeça... Mike decide então Deixar como está, e esquecer todos os conselhos do Cara no espelho.
Mike e sua Musa vão embora juntos, mais uma vez embalados pelo balançar dos vagões, mas Mike sempre tem que tomar outro rumo no meio do caminho, já que mora em uma cidade e a Musa em outra.

Voltando já sozinho, há espera de seu ônibus, Mike se encontra mais confuso do que nunca: "Será que eu viajei esse tempo todo? será que interpretei tudo errado desde o começo? E aquelas perguntas? Eram 'um verde'?" 
Sabendo que não obteria respostas,ao chegar em casa Mike decide dar sua sentença:
"Desisto! Sei que não há glória alguma há quem desiste, mas 'pelo sim e pelo não', não fará diferença mesmo!"
disse Mike ao cara no espelho.
Sem deixar tempo para respostas, foi encontrar-se com seu travesseiro e cobertor mais uma vez, fechando os olhos com força, desejando mais do que nunca que o sono tome conta logo.   
Mas se o cara do espelho tivesse tido tempo, talvez diria:
"Mike, meu amigo, você não se cansa de errar? Você poderia pelo menos ter dito algo, se o sofrimento viesse, ele seria 'á vista' e você teria certeza 'do que é' e 'do que não é'...ao invés de ter esse sofrimento 'á prazo', em tantas prestações e juros que você nem consegue calcular! Mike, meu amigo, você conseguiu piorar as coisas mais uma vez. E advinha: quem tá saindo perdendo é você!"  

Continua...